Inquérito da Procuradoria-Geral da República vai apurar disseminação ‘estruturada’ de mensagens falsas contra candidatos à Presidência. A Polícia Federal abriu inquérito para investigar a divulgação de informações falsas por empresas contra os candidatos à presidência, Fernando Haddad(PT) e Jair Bolsonaro (PSL), informou neste sábado (20) o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. O inquérito será conduzido pela Diretoria de Combate ao Crime Organizado.Para saber mais, clique aqui.